Tempo de Recomeçar

Tempo de Recomeçar
"Essa história vai emocionar você"

segunda-feira, 8 de março de 2010

Não vá



Não vá. Não agora, não nesse instante
Espere um pouco mais
Do caos feito de nós,
entre


Não vá!
É tarde, chovem-me os olhos
O vazio que desejas é escuro
Desfaz esse olhar agreste
Estes braços feitos de muro
Não vou abrir as portas!
esquece

Sua voz combina com meu cheiro
Meu olhar encaixa-se no teu beijo
Teus braços são do tamanho do meu medo
Minhas mãos servem nos teus vícios

Espere as janelas acordarem
Em nossos lençóis.
Vamos conversar com as flores
Que plantamos juntos.
Colecionar sorrisos a sós
Aquecer o frio dos invernos
Mas que inferno, Não vá!
Feche a porta.


As chaves estão quebradas
Dentro dos ossos da rotina
Vamos beber vinho?
Guarde a despedida no armário
Na velha caixa de naftalinas


O café está na mesa
Há dois lugares,
E uma tristeza.

Pra quê essa história de despedida,
Se o mundo acaba na esquina
De nossas exatas medidas?

É cedo para partir
Sempre será.
Vamos beber chuva juntos
Arranhar os lábios na areia do primeiro beijo
fique
Estenda seus braços sobre meus desejos
entre

Espere um pouco mais,
Só mais um minuto
Entre no quarto e volte sorrindo
Vou arrancar os espinhos do teu olhar
Aspergir de tua voz doçura
Vou quebrar tuas roupas sujas
Arranhar seus discos e cuspir algemas
Dentro de nossas figuras

Vamos aguardar juntos o fim
Ele não vai nos encontrar.
Vou convencer o destino a esquecer-nos
Não há outra saída
Senão a porta de entrada
Vou apagar as luzes
Desfazer essas malas
Fingir que está tudo bem
Hoje você dorme comigo,
Amanhã também.


- Boa noite, querido.
- ...
´
(Cassiane Schmidt)

Um comentário:

Chris... ჱܓ disse...

lindo poema...
Muito bem escrito. Parabéns!!

Feliz dia da Mulher pra ti.


Bjos mil..